Sistemas de
manobra estacionários

Desde os anos 50 são utilizadas instalações de manobras fixas, ligadas a correntes para puxar vagões e composições. Justamente em áreas de trabalho onde há riscos de explosão, os nossos sistemas cumprem as mais severas prescrições de segurança e de testes. Neste caso, todos os componentes mecânicos e elétricos devem apresentar a marcação CE, conforme a diretriz ATEX 94/9/EG.

Um dispositivo de fixação duplo para o cabo de tração e de marcha em vazio, bem como um retensionamento automático do cabo garantem procedimentos econômicos e livres de problemas. Neste caso, vagões individuais podem ser posicionados precisamente sobre uma balança ou ponto de carregamento, ou então um comboio completo pode ser movido de maneira automatizada em uma velocidade baixa e constante.

As instalações de tração a cabo da Vollert são conhecidas por sua tecnologia compacta, robusta e confiável. Estão em funcionamento no mundo todo, em locais de carga e descarga, áreas protegidas contra explosão, instalações para lavagem de composições e oficinas de manutenção, sob condições extremas.

Carro rebocador de bitola normal

Em locais onde há fim de linha utiliza-se preferencialmente o carro rebocador de bitola normal, onde é possível movimentar composições de até 4.000 t de peso total. Como variação adicional, o carro rebocador pode deslocar-se lateralmente, para que o trilho esteja liberado para o tráfego.

 

 

 

Dados:

•  Forças de tração até 170 kN

•  Carga rebocável máxima 4.000 t

•  Velocidades de manobra com carga 0,4 m/s; sem carga 1,0 m/s

•  Comprimentos de manobra até 500 m

•  Posição adicional para deslocamento lateralmente/trás do pára-choque

Na prática

Carro rebocador com roletes

Em seções de linhas onde há tráfego normal utiliza-se preferencialmente carro rebocador com roletes, de modo que, com os roletes impulsionadores retraídos, a via permaneça livre para o tráfego. Uma vez que os roletes impulsionadores podem ser acoplados em qualquer um dos eixos do vagão, são possíveis todos os métodos usuais de carregamento. Desta forma, procedimentos flexíveis e totalmente automatizados podem ser executados.

 

 

Dados:

•  Forças de tração até 50 (70) kN

•  Carga rebocável máxima 1.200 t

•  Velocidades de manobra com carga 0,5 m/s; sem carga 1,4 m/s

•  Comprimentos de manobra até 500 m

•  Roletes impulsionadores duplos, para uma operação segura

Na prática

Carro rebocador pequeno/corrente de arraste

Um sistema fechado de cabo de aço é posicionado ao longo da via de manobra, o acoplamento à composição ocorre por meio de um estropo de corrente ou através de uma haste de acoplamento. 

 

 

 

Dados:

•  Forças de tração até 30 kN (50 kN)

•  Carga rebocável máxima 700 t

•  Velocidades de manobra com carga 0,3 m/s; sem carga 0,6 m/s

•  Comprimentos de manobra até 200 m

•  Instalação sobre ou sob o piso

Contato

Jürgen Schiemer

Vice President

Telefone: +49 7134 52 232
Telefax: +49 7134 52 222

E-mail: juergen.schiemervollert.de